Justificativa

A longevidade produzida pelas pesquisas e recursos científicos tem aumentado consideravelmente o contingente de idosos em todos os setores sociais.  Os governos, no  mundo inteiro, têm se voltado para essa realidade, providenciando recursos e buscando estratégias para adequarem-se à nova ordem mundial.  Compete às instituições, portanto, dar atenção aos idosos sob sua responsabilidade, orientando-os e cuidando para que possam ter uma velhice sadia, estruturada e cientificamente encaminhada resultando em uma longevidade feliz.

A Igreja, mais do que nunca, precisa estar presente, oportunizando aos seus idosos todo tipo de reflexão e participação em atividades para eles estruturadas.  Os grupos religiosos, por sua própria natureza, já apresentam um ponto em comum de união, a fé,  realidade que pode ser mais um facilitador para a estruturação dos grupos. Uma equipe de idosos atuante e feliz, participante de atividades físicas, beneficentes, lúdicas, produtivas e de desenvolvimento intelectual com base na fé cristã poderá ser mais um atrativo da Igreja Batista no Moneró para alcançar almas para Cristo, objetivo maior do trabalho cristão.

A mídia constantemente tem veiculado informações sobre  o desenvolvimento de grupos da terceira idade.  Integrantes de nossa comunidade vêm nos questionando sobre a possibilidade de criação/ ou desenvolvimento de atividades voltadas para esse fim, o que somado a nossa experiência profissional, poderá ser a condição ideal para a realização do trabalho.

É, também, uma realidade observável,  certo preconceito ao termo “terceira idade”, muitas vezes afastando possíveis integrantes.  Sugerimos, por isso, o nome “Ministério Diamantes da IBM” como denominação de referência aos componentes desse grupo a ser  criado/desenvolvido.

Objetivos Específicos

  • Reunir-se com integrantes a partir dos 60 anos de idade da Congregação da Igreja Batista no Moneró em um ministério específico e tecnicamente orientado;
  • Participar de tarefas/atividades que promovam o desenvolvimento das funções motoras e mentais;
  • Debater assuntos atualizados a partir de palestras e apresentações de temas em painéis e outras técnicas de comunicação;
  • Desempenhar atividades de grupo integrando seus componentes através de objetivos comuns e de acordo com os preceitos religiosos pregados pela denominação;
  • Compartilhar experiências de vida sendo, assim, uma fonte de informações rica para outros segmentos da congregação;
  • Ocupar o tempo e a mente com propostas produtivas e organizadas já que a ociosidade constitui-se em fonte significativa de doenças físicas e mentais;
  • Desenvolver atividades manuais em equipes não só propiciando momentos de convívio saudável como produtivo;
  • Promover encontros com outros grupos congêneres objetivando integração extra congregação;
  • Aprimorar especialidades produtivas viabilizando um reforço orçamentário para o indivíduo;
  • Transmitir/receber conhecimentos específicos compartilhando habilidades;

Finalidades

O Ministério tem como finalidade integrar indivíduos a partir dos 60 anos de idade (considerada a 3ª idade) através das seguintes atividades:

  • Criar grupos de execução de trabalhos manuais.

Grupos estruturados através da confecção/produção de bens de consumo do próprio grupo ou da comunidade.  Poderá, também, produzir para exposições e venda em bazares;

  • Promover passeios culturais e de lazer.

A partir do interesse do grupo deverão ser organizados passeios/visitas culturais,  ida ao teatro, integração a movimentos ligados à terceira idade.  Participação em atividades terapêuticas de exercitação física: ginástica, atividades esportivas, dança sênior;

  • Organizar grupos de ação solidária.

Muitas vezes idosos da própria congregação ficam afastados das atividades da igreja por motivos de saúde e/ou dificuldades de locomoção.  Deverão ser organizados grupos de visitação de idosos para um lanche informal, um culto domiciliar, uma simples visita, aproximando, assim, esse idoso do calor humano que não pode compartilhar;

  • Estimular maior participação nas atividades litúrgicas da igreja.

Conscientizar os outros setores congregacionais da necessidade de valorizar o idoso como pessoa e membro integrante da comunidade.  Ouvir suas sugestões considerando sua experiência de vida como algo relevante para a formação histórica do indivíduo;

  • Promover palestras informativas.
  • Convidar palestrantes para apresentação de temas e informações e enriquecimento cultural através de profissionais ou não, pertencentes à igreja e/ou de fora.  Caso as atividades sejam apresentadas por pessoas externas ao movimento evangélico, os temas deverão ser bem discutidos com o apresentador.  Nossas atividades e organização internas deverão ser, também, uma forma de mostrar nossa fé a esses convidados/visitantes.  Temas sobre:
  • saúde
  • religião
  • bem-estar
  • informações gerais
  • socialização e convívio
  • Valorizar o indivíduo em sua integração nas atividades da Igreja.

Todos os membros da congregação deverão estimular indivíduos idosos de sua família ou vizinhança a freqüentar as atividades propostas;

  • “Culto da Maior Idade”

Instituir o “Culto da Terceira Idade” com periodicidade a ser decidida e temas religiosos voltados especificamente para seus interesses.

  • Evangelizar pessoas através de sua integração a atividades multidisciplinares promovidas pelo Ministério Diamante da Igreja Batista no Moneró.

Deixe um comentário